Meios Eletrônicos de Pagamento

Como usar a criatividade para vender à distância e manter o negócio lucrativo

Por 28 de abril de 2020abril 29th, 2020Sem comentários
vender à distância

Diante das ações de quarentena e de distanciamento social que entraram em vigor em várias regiões do Brasil e do mundo, é natural que pequenas e médias empresas que trabalham com vendas acendam um sinal de alerta quando o assunto é o faturamento do negócio. Mais do que nunca, é preciso encontrar soluções alternativas para manter o fluxo de caixa e, nesse contexto, vender à distância pode ser uma saída criativa!

E se o seu negócio depende apenas de vendas presenciais, o desafio pode ser ainda maior, já que a migração para um modelo de vendas on-line ou por telefone nem sempre acontece de forma simples. Mas não se preocupe: como diz o ditado, a necessidade é a mãe da inovação, e talvez esse seja o momento perfeito para tirar boas ideias do papel e garantir que sua empresa consiga passar pelas turbulências com segurança.

Quatro dicas criativas para vender à distância

Cada vez mais se fala sobre a proximidade virtual e, claro, sobre maneiras de criar e cultivar conexões com pessoas por meio das plataformas on-line. Para o contexto de vendas, essa realidade não é diferente. Ao vender à distância, cativar os clientes é ainda mais importante — e apostar na criatividade pode render ótimos frutos, independentemente do seu tipo de negócio! Pensando nisso, separamos algumas dicas valiosas para ajudar a sua empresa. Confira:

1 – Estude a possibilidade de um delivery

Se vamos falar de alternativas para vender à distância, não podemos deixar de mencionar o poder de um bom serviço delivery. Pensando em uma situação prática, imagine uma empresa de cosméticos, roupas ou acessórios, por exemplo. É fato que, por não ser considerado uma atividade essencial, esse tipo de negócio pode ter de fechar as portas durante o período de quarentena. E agora, como vender?

A resposta pode ser o delivery. Tendo em mãos uma base de contatos de seus principais clientes, você pode montar um catálogo virtual simples, divulgar nas redes sociais e elaborar promoções especiais para o período de isolamento. Dessa forma, você não só garante um fluxo de caixa ativo como também contribui para manter essa clientela fiel ao seu negócio!

2 – Lembre-se de explorar o WhatsApp

Em tempos de quarentena e de isolamento social, o aplicativo para troca de mensagens favorito dos brasileiros pode se tornar um aliado poderoso para vender à distância e garantir um respiro extra para o caixa da empresa. Aqui, ponto positivo para quem mantém os dados dos clientes organizados! Assim, fica muito mais fácil criar uma lista segmentada para o envio de ofertas.

Mas atenção: na hora de vender à distância pelo WhatsApp, tenha bastante cuidado com a abordagem! Isso porque o aplicativo ainda é considerado por muitos como um espaço bastante pessoal. Uma dica para evitar a estranheza durante esse contato comercial é cadenciar a abordagem, perguntando, por exemplo, se esses clientes querem receber atualizações e promoções por essa ferramenta.

3 – Analise oferta e demanda com cuidado

Especialmente no momento de pandemia em que vivemos, é importante lembrar que você e sua empresa não estão passando por toda essa turbulência sozinhos: diversos setores da economia, negócios parceiros e até mesmo seus principais concorrentes enfrentam os mesmos obstáculos e também buscam alternativas para vender à distância. Com isso em mente, talvez seja a hora de pensar fora da caixa e fazer um balanço de oferta e demanda entre o seu público-alvo.

Avalie o seu estoque com cuidado e veja que tipo de ofertas e pacotes você pode oferecer sem prejudicar a sua margem de lucro. Paralelamente, analise as estratégias que outras empresas da sua área estão colocando em prática em busca de lacunas de mercado. Pode ser que você tenha em grande quantidade um produto que seus concorrentes não estão vendendo, então essa é uma grande oportunidade de garantir o faturamento do período!

4 – Dê atenção especial para a sua equipe de vendas

Para as empresas que já contam com uma equipe de vendas mais estruturada, redesenhar o processo comercial também é uma boa alternativa para os tempos de isolamento. Se o seu time trabalha com vendas com visitas presenciais, é muito importante que ele se adapte à nova realidade. Isso inclui rever todas as etapas, desde o primeiro contato até o pós-venda.

Além disso, vale acionar os seus clientes para tentar vender de forma mais estratégica. Imagine, por exemplo, que você é proprietário de uma loja de roupas que tem consumidores frequentes. Eles já conhecem a qualidade das peças comercializadas, por isso, não ficarão receosos na hora de comprar à distância.

Então por que não usar o link de pagamento, enviado por mensagem, para fechar os pedidos? Assim, fica cômodo para a clientela, que não precisa sair de casa para pagar, e também para você, que tem no link de pagamento um aliado contra eventuais barreiras que o cliente possa apresentar para não fechar a compra.

Conte com a ValoremPay para tirar os seus planos do papel!

Por fim, claro, não podemos falar sobre vender à distância sem citar a ValoremPay, que oferece soluções sob medida para as necessidades do seu negócio. Desenvolvemos uma tecnologia de ponta e pensamos em benefícios exclusivos para melhorar a dinâmica de pagamentos na sua empresa. São diferenciais para realmente facilitar a gestão dos seus recebimentos, organizar seu fluxo de caixa e melhorar a dinâmica de conciliação bancária no seu negócio.

Entre em contato com a gente e conheça todos os benefícios de operar com a ValoremPay! Se preferir, deixe um comentário no espaço abaixo para continuarmos a conversa. Estamos à disposição.

Comente